Quantas vezes você já ouviu alguém dizer para você para tomar cuidado com a creatina pois ela faz mal aos rins? Você escuta isso tantas vezes que, naturalmente, acaba ficando preocupado e tenta saber se isso é mesmo verdade. Veio ao sítio certo.

Como o corpo aproveita a creatina?

Antes de responder à pergunta do título, vamos entender a ligação da creatina com os rins. Quando você consome creatina, ela se liga a uma molécula de fosfato formando a fosfocreatina. A fosfocreatina fica armazenada nas células musculares. Quando existe uma demanda por energia, o organismo precisa de converter ADP (adenosina difosfato) em ATP (adenosina trifosfato), a energia celular.

Para isso, o organismo quebra a fosfocreatina, separando novamente a molécula de fosfato que, posteriormente, ligar-se-á à molécula de ADP formando uma de ATP. Durante esse processo, é produzida creatinina, uma substância que será filtrada pelos seus rins e posteriormente eliminada através da urina.

creatina-faz-mal

Consumir creatina prejudica os rins?

Devido a tudo isto, algumas pessoas afirmam que ao consumir creatina através de suplementos você estará sobrecarregando seus rins, o que a longo prazo trará problemas. A verdade é essa: a suplementação com creatina poderá, de fato, prejudicar o funcionamento de seus rins… se eles já não estiverem funcionando corretamente.

Todas as pesquisas científicas que avaliaram essa questão descobriram que a creatina não prejudica o funcionamento renal de indivíduos com rins saudáveis. É verdade que o trabalho dos rins e a concentração de creatinina aumenta quando você toma creatina, mas se seus rins forem saudáveis eles conseguirão dar conta do recado sem saírem prejudicados [*1].

As pesquisas demonstram que nem a curto, médio ou longo-prazo, a suplementação com creatina induz efeitos prejudiciais nos rins de indivíduos saudáveis [*2]. E se ainda não estiver satisfeito, leia o documento oficial da Sociedade Internacional de Nutrição Esportiva sobre a creatina e os rins: “não existem provas científicas que mostrem que a utilização de creatina monohidrato possa ser prejudicial para a saúde de indivíduos saudáveis, tanto a curto como a longo prazo[*3].

Mas se você tiver algum problema nos rins, aí sim é boa ideia parar de consumir suplementos de creatina, para não piorar a situação desse órgão.


Referências ou Notas:

[*1] – Pline KA, Smith CL., The effect of creatine intake on renal function, nn Pharmacother. 2005 Jun;39(6):1093-6 (LINK)

[*2] – Poortmans JR, Francaux M., Long-term oral creatine supplementation does not impair renal function in healthy athletes, Med Sci Sports Exerc. 1999 Aug;31(8):1108-10 (LINK)

[*3] – Buford, T. et. al., International Society of Sports Nutrition position stand: creatine supplementation and exercise, Journal of the International Society of Sports Nutrition 2007, 4:6 (LINK)