Todas as pessoas que desejam um aumento de força e de massa magra sem prejudicar a saúde, e com um composto realmente eficaz, encontram uma opção de suplementação alimentar  e que realmente funciona, sem trazer nenhum risco à saúde. Esses suplementos são desenvolvidos à base de Creatina e são desenvolvidos para todos, seja você atleta ou praticante assíduo.

A creatina é utilizada para melhorar a performance em atividades físicas, que envolvam exercícios de curta duração e alta intensidade. É um composto seguro, principalmente por ser uma substância natural encontrada em alguns alimentos e sintetizado em nosso corpo.

Os estudos indicam que a creatina pode promover a hipertrofia muscular, auxiliando o desenvolvimento durante as atividades físicas, fornecendo energia para os músculos e diminuindo a fadiga muscular.

O que é a Creatina?

A creatina é uma substância sintetizada pelo fígado, rins e pâncreas a partir de aminoácidos, como a glicina e arginina. Essa substância ocorre de forma natural no corpo, mas também pode ser obtida a partir de alimentação.

Os principais alimentos que possuem creatina são carnes vermelhas e peixe. Ao ingerir os mesmos, você garante uma pequena taxa da substância.

No corpo, a creatina é encontrada em duas formas: livre, em torno de 65%, e fosforilada, em torno de 35%.

A grande maioria da substância é armazenada no músculo esquelético, e uma pequena parcela divide-se entre coração, músculos lisos, cérebro e testículos.

Quando descobriram que a suplementação de creatina aumenta em torno de 20% de concentração de creatina muscular, investigações em torno da substância iniciaram-se, para descobrir o real efeito da suplementação no rendimento, tanto físico, quanto esportivo.

Foi a partir desse estudo que descobriu-se que a creatina promove um ganho de força e aumento de massa magra.

Mesmo com todos esses estudos, ainda há muita discussão sobre a origem do ganho de massa magra. Mas a certeza é que a mesma acontece por hipertrofia que é gerada pela creatina.

Benefícios da suplementação com creatina

A suplementação alimentar com base em creatina traz diversos benefícios para a saúde. Esses benefícios são responsáveis pelo aumento cada vez maior de consumo desses suplementos.

São eles:

    • Aumento do volume muscular, o que acontece pela retenção intracelular de fluidos e pelo aumento da pressão osmótica celular.
    • Ganho significativo de força e de massa magra.
    • Fornece energia muscular para atividades de curta duração.
    • Traz influências positivas nas funções do tecido cardíaco e do tecido nervosos.
    • Durante o exercício, influencia na cinética de oxigênio.
    • Diminui significativamente a fadiga muscular.

Com tantos benefícios, a suplementação de creatina é vista como uma grande aliada para a saúde de quem quer aumento de força e pratica exercícios de alta intensidade.

Como utilizar a creatina

Você encontrará vários suplementos alimentares à base de creatina. Basicamente, existem duas formas de utilização:

      • Primeira semana: sobrecarga inicial de creatina, numa dose de 20 a 25 g/dia divididas em 5x ao dia. Essa sobrecarga equivale a 0,3 g/kg de peso corporal por dia.
      • Da segunda até a oitava ou décima segunda semana: Manutenção com 2 a 5 g de 4 a 5 vezes ao dia, equivalendo a 0,03 g/kg de peso corporal por dia.

Vale lembrar que essa é uma das formas mais utilizadas, mas existem outras formas que devem ser analisadas. Tudo dependerá de seu organismo e de como o seu treinador recomendará a suplementação.

Alterações nas funções renais e hepáticas

Por algum tempo, sugeriu-se que a creatina poderia trazer alterações para as funções desempenhadas pelo fígado, mas também à performance dos rins, o que traria riscos para a saúde de quem consumisse.

Isso aconteceria principalmente em pessoas que não fossem atletas. Porém, diversos estudos foram realizados, testando em voluntários que utilizavam a creatina e, por fim, concluiu-se que não, a creatina não altera essas funções. Por isso, ela é segura para ser consumida.

Dosagens

Ao comprar os suplementos à base de creatina, não precisa ficar preocupado com dosagens e quantidades, já que cada embalagem possui uma quantidade correta para o tempo da suplementação.

Você encontra a creatina em vários formatos, tanto em cápsulas, que são consumidas várias vezes ao dia, como em pó, que deve ser misturado com sucos para o consumo.

Por isso, para que você tenha uma suplementação eficiente, consulte um médico ou um nutricionista e peça que ele recomende tanto a melhor forma como a dose correta para sua utilização diária.

Assim, você realmente sentirá os efeitos dessa substância, que trabalhará de forma eficaz em seu organismo.

Para que a creatina funcione, você deve associá-la a uma alimentação saudável e a exercícios físicos controlados.

Por isso, para ter um aumento de força muscular e ganho de massa magra, comece já a fazer uma suplementação alimentar à base de creatina e sinta em pouco tempo os benefícios para seu organismo.


Fontes:
– Revista Brasileira de Medicina do Esporte, vol.16 no.3. Niterói May/June 2010. Disponível impressa e em:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-86922010000300013.
– Revista Brasileira de Medicina do Esporte vol.17 no.4 São Paulo July/Aug. 2011. Disponível impressa e em:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-86922011000400004
– http://www.brasnutri.org.br/arquivos/legislacao/Legisla%C3%A7%C3%A3o_-
_Diretriz_da_Sociedade_Brasileira_de_Medicina_do_Esporte_-_Modifica%C3%A7%C3%B5es_Diet%C3%A9ticas.pdf